Yose Ue e Penjings (vários mestres)

Maravilhosas paisagens para dar inspiração e para mostrar a grandiosidade das grandes florestas que os  grandes mestres  procuram retratar neste estîlo desta arte milenar. A criação de uma floresta requer planejamento, tempo e dedicação. Cada árvore é modelada em separado, sendo preparada para encaixar em sua posição, como num quebra cabeça. A árvore maior (mãe) sempre se encontra no centro, e suas filhas vão ficando menores à proporção que vão se distânciando do centro. Deve-se sempre procurar uma perfeita triângulação em todas as direções para harmonizar e dar naturalidade a todo conjunto. É um dos estîlos mais difíceis de se reproduzir, mas um dos mais belos de se observar. Você encontra todas as caracterîsticas deste estîlo aqui no blog em: estílos de bonsai.

1

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: